Escritora Vera Salbego

Poesia e Contos , Crônicas

Textos


Ser Diferente

Sempre fui diferente
Meu modo de agir
Calada, poucas palavras
Na minha sempre
Tipo misterioso
Muitas pessoas eu encantava
Por ter esse jeito de ser.
Não percebia
Mas gostava dos olhares
Eu me escondia
Não deixava transpassar
Os limites de minha alma
Tinha um pouco de Cassandra
Meu olhar profundo
Meio ser diferente
Procurava encontrar
Apenas um olhar no meio da multidão
Que me encantasse
Que quisesse me amar.

Vera Salbego
VeraSalbego
Enviado por VeraSalbego em 27/07/2020


Comentários



Site do Escritor criado por Recanto das Letras